Enquete

Você é a favor do projeto de lei para legalizar a prostituição no Brasil?

Sim. Sou a favor. (21)
51%

Não. Não sou a favor. (11)
27%

Não sei. Não respondo. (1)
2%

Sou indiferente. (8)
20%

Outra resposta. (0)
0%

Total de votos: 41

Tópico: Ref. 000003

Data: 10/08/2012

De: Yan F. Santos

Assunto: Justificativa ao voto.

Sou inteiramente contra a essa proposta, primeiro por que a prostituição é uma via de transmissão de inúmeras doenças sexualmente transmissíveis, como por exemplo AIDS e DST. Legalizar essa profissão seria, portanto, incentivar relações sexuais perigosas. Logo, a questão deixaria de ser de vida privada e passaria a ser um problema de saúde pública. Em segundo, por que uma regulamentação dessa "profissão", SE ela fosse regulamentada (o que já seria imensamente difícil) demandaria recursos do governo (em outras palavras, o dinheiro dos nossos impostos), que poderiam ser muito melhor empregados em educação, saúde e segurança pública, por exemplo.

Data: 17/05/2012

De: Robson

Assunto: Justificativa

É tenso tal aprovação, será que ao legalizar, teremos uma solução para a prostituição infantil? Doenças DST?

Data: 08/05/2012

De: [M}

Assunto: Lei para legalizar.

Fazer a profissão com carteira assinada, proibindo menores de idade e estabelecendo todos direitos e deveres de um trabalhador regulamentado comum.

Data: 18/04/2012

De: Paulo Henrique Jurgensen

Assunto: Justificativa do voto

Sou amplamente favorável. Há centenas de argumentos que poderia discorrer aqui, mas entre tantos, o de que qualquer ingerência na vida privada das pessoas pelo estado, determinando o que podem ou não podem fazer de suas vidas privadas, por si só já motivo bastante para ser favorável. Para os defensores do contra a legalização, sugiro que antes, tratem de dar uma educação a seus filhos e filhas para que não tornem-se profissionais do sexo, após isso lutem para que o estado proporcione cultura e educação de alto nível à população, para somente após cumpridas essas etapas, emitam juízo de valor sobre a vida privada de outras pessoas que não sejam as da sua própria família.

Novo comentário